quarta-feira, 28 de novembro de 2012

Declaração das Existências de Suínos (DES) - Período Obrigatório de Declaração - dezembro 2012

No próximo mês de dezembro, decorre mais um período obrigatório de "Declaração de Existências de Suínos (DES)", conforme Aviso PCEDA (Plano de Controlo e Erradicação da Doença de Aujeszky) da Direção-Geral de Alimentação e Veterinária, publicado neste portal.
O impresso destinado a registar aqueles efetivos é o
Mod.800/DGV-DES, que deverá ser entregue devidamente preenchido, assinado e datado, nos Serviços Veterinários Oficiais ou nas Associações protocoladas pelo IFAP (PA e PI), durante o mês de dezembro de 2012.

Mais se informa que decorre em paralelo com a DES de dezembro, à semelhança do que ocorreu
no período de agosto de 2012, um inquérito de Bem-estar Animal, cujo modelo e respetivas explicações e enquadramento estão disponíveis em https://intranet2.dgv.min-agricultura.pt/externo/anexode, com o intuito de monitorizar o grau de implementação do Decreto-Lei n.º 135/2003 de 28 de junho, sobre a adaptação das explorações suinícolas nacionais às exigências comunitárias em termos de BEA.

segunda-feira, 26 de novembro de 2012

CUIDADOS BÁSICOS no alojamento

O local onde o animal dorme, brinca e se alimenta deve permitir uma fácil limpeza e desinfeção, a proteção das intempéries (frio e chuva) e sobretudo a tranquilidade e incomodidade da vizinhança.
A posse de animais está sempre condicionada pela existência de boas condições e ausência de riscos higio-sanitários e que num pré-dio urbano (apartamento), não é permitido ter mais de 3 cães ou 4 gatos, num total que nunca pode exceder os 4 animais! O incumprimento destas regras de convivência é punível com coimas de 50€ a 44890€.
Ter um animal amarrado um dia inteiro à uma corrente, para além dele se tornar agressivo e poder agredir as pessoas da própria casa, trata-se sobretudo de um ato cruel.
 
 
 
Os outros animais como os galináceos  e os porcos, também devem ter espaço suficiente para se moverem bem como um sistema em que a higiene e a alimentação seja de facil acesso.
Informam-se todos os interessados que dia 29 de Novembro o Gabinete de Vacinas no Mercado Municipal de S. João da Madeira estará encerrado.

Gratos pela compreensão.

segunda-feira, 29 de outubro de 2012

Os nossos patinhos




No Parque Urbano do Rio Ul temos uma colónia de patos de forma selvagem das espécies domésticas, que se alimentam de vegetação aquática, moluscos e pequenos invertebrados.
O pato é um dos poucos animais que anda, nada e voa com razoável competência.
É o único animal que consegue dormir com metade do cérebro e manter a outra em alerta. É dotado de perfeito senso de direção e comunidade.

São sobretudo Patos Marrecos e Patos Reais.Anas platyrhynchos - Pato Real com a sua cabeça verde e anel branco no pescoço (no caso dos machos), assim como a sua semelhança comalgumas “formas” domésticas, torna-a na espécie mais fácilmente identificável entre todas as espécies de patos. 
  
Os machos adultos têm a cabeça "verde-garrafa" e um anel branco no pescoço. O dorso e o ventre são acinzentados  e o peito é castanho escuro.O espelho alar é azul e o bico é amarelo. As fêmeas tem um padrão de plumagem, em tons de castanho, sendo semelhante a outras espécies de patos de superfície.



Porém, algumas características como o tamanho, espelho alar, ou cor do bico, podem ajudar a distinguiresta espécie das outras com alguma segurança.
Os juvenis e os adultos em eclipse apresentam algumas semelhanças com as fêmeas. São ainda fácilmente identificáveis, tanto em voo como pousados, devido às suas vocalizações, uns muito típicos quá-quá-quá. 
                                      
 Abundância e calendário
Em Portugal o pato-real é sobretudo uma espécie residente, nidificando, entre Março e Julho, de norte a sul do país, sendo porém mais abundante nas principais bacias hidrográficas portuguesas e nas barragens e açudes a sul do rio Tejo. Ocupa  praticamente todo o tipo de habitats aquáticos,desde lagoas costeiras, barragens, açudes e valas de rega até ribeiras, rios, pauis, arrozais, ETAR’s, parques urbanos, etc., preferindo essencialmente zonas de águas pouco profundas.


É um belo passeio vir ao nosso parque que conta com muitos mais animais como os  2 mochos  e os  ouriços  que  no  dia  4  de  Outubro, dia do animal



terça-feira, 9 de outubro de 2012

Aviso da Sala de vacinas de cães e gatos no Mercado Municipal

Informam-se todos os interessados que como na quinta feira, dia 11 é feriado, o dia de vacinas de cães e gatos no Mercado Municipal passa para sexta feira das 14H00 às 16H00.

Gratos pela compreensão.

Dia Mundila do Animal em S. João da Madeira

Dezenas de pessoas apareceram no Parque do Rio Ul no dia 4 de Outubro, Dia Mundial do Animal, para ver a libertação de 2 ouriços e 2 mochos que tinham sido capturados neste mesmo parque e tratados no Parque Bilológico de Gaia.
Mais uma vez foi salientado pelo Engº  Hugo Oliveira desta instituição, a grande importância da preservação da natureza e das variadissimas espécies nela existentes.




Obrigado a todos.

sexta-feira, 3 de agosto de 2012

OMV lança programa para ajudar a encontrar animais perdidos

O “FindMyPet – Ponto de Encontro de Animais Perdidos” é uma plataforma online pioneira, desenvolvida pela Ordem dos Médicos Veterinários, que potencia e permite o encontro de animais perdidos – cães e gatos.



Esta plataforma, disponível na internet, providencia uma base de dados dinâmica e acessível aos profissionais médico-veterinários e ao público em geral para divulgarem na internet animais perdidos ou encontrados.
A divulgação é feita através de formulários online para preenchimento por quem perdeu ou encontrou um animal.
Após preenchimento, o programa informático realiza a busca automática das semelhanças e características dos animais perdidos/encontrados, tais como a região/zona onde o animal foi perdido/encontrado, a espécie, o sexo, a cor, peso, etc. e elabora lista de animais encontrados com possível correspondência a animais perdidos. A plataforma dispõe de uma pesquisa georreferenciada que reconhece a localização aproximada do utilizador, filtrando os resultados para um número menor de possíveis correspondências ao possível animal perdido/encontrado.


No formulário “Perdi, o que fazer?” e “Encontrei, o que fazer?”, por motivos de confidencialidade, os dados pessoais não serão do conhecimento público e serão geridos unicamente pela OMV, para contacto em caso de encontro do animal.
A OMV espera que esta ferramenta constitua, para quem perdeu ou encontrou um animal, um meio de divulgar essa situação de forma expedita e com grande abrangência através desta ferramenta online.
Pedimos a todos os Colegas que ajudem a divulgar esta plataforma, que se espera que seja uma iniciativa com repercussões a nível nacional e passe a ser utilizada como ferramenta indispensável em situações de desaparecimento.

ACEDA A “FindMyPet” AQUI 

quarta-feira, 25 de julho de 2012

Período obrigatório de Declaração de existências de suínos-agosto 2012




Decorre durante o mês de agosto de 2012 mais um período obrigatório de "Declaração de Existências de Suínos (DES)", conforme Aviso de 9 de julho, do Plano de Controlo e Erradicação da Doença de Aujesky (PCEDA) da Direcção-Geral de Alimentação e Veterinária, publicado neste portal.
O impresso destinado a registar aqueles efetivos é o Mod.800/DGV-DES, que deverá ser entregue devidamente preenchido, assinado e datado nos Serviços Veterinários Oficiais, ou nas Associações protocoladas pelo IFAP (Postos SNIRA), durante o mês de Agosto de 2012, conforme instruções de recepção e tramitação processual.
Em paralelo com as DES de agosto 2012 e à semelhança do que ocorreu no período de abril 2012, um inquérito de Bem-Estar Animal, cujo modelo, respetivas explicações e enquadramento estão disponíveis em https://intranet2.dgv.min-agricultura.pt/externo/anexode, com o intuito de monitorizar o grau de implementação do Decreto-Lei n.º 135/2003 de 28 de junho, sobre a adaptação das explorações suinícolas nacionais às exigências comunitárias em termos de BEA

Os animais e as férias...

Animais de Companhia - Vai de Férias? Não abandone o seu Animal de Estimação!

VAI DE FÉRIAS?
Não se esquece de nada?...................E o seu amigo? Também o leva?





Se não pode levar o seu animal de companhia para o destino de férias, peça a um familiar ou amigo que tome conta dele na sua ausência, ou

reserve lugar num hotel para animais
ou
Porque não considerar um regime de troca com vizinhos ou outros detentores de animais? Eles cuidam do seu animal, e você cuida do deles?

NÃO ABANDONE o seu Animal!
Ele precisa dos seus cuidados! Seja responsável na
detenção e evite multas!
 BOAS FÉRIAS!!!
http://www.dgv.min-agricultura.pt/portal/page/portal/DGV/noticia/?detalhe_noticia=1980450
Hóteis para animais:
https://docs.google.com/file/d/0B9F2FM6XFFxnZGFlNzFjNjEtZD
k3MS00YjAxLWJhYTQtZTJjZTA0YzA1ZTdj/edit?hl=en_US








segunda-feira, 4 de junho de 2012

Declaração de existências de apiários




Decorre durante o mês de Junho de 2012 mais um período obrigatório de "Declaração das Existências de apiários", mediante o preenchimento e entrega do Mod. 490/DGV  nas Direções  de Serviços Regionais da Direção Geral de Alimentação e Veterinária, nas Organizações de Apicultores protocoladas para o efeito, ou em outros locais.
O Registo de Actividade Apícola é efectuado anualmente durante o mês de Junho, mediante o preenchimento e entrega do Mod. 490/DGV - Registo da Actividade Apícola (Declarações de Existências) -, na Direcção de Serviços da Região (DIV/NIV), nas Organizações de Apicultores protocoladas para o efeito, ou em outros locais a designar (consulte as Instruções de Preenchimento do Mod. 490/DGV).

As medidas gerais em vigor para a actividade apícola, estão divulgadas no Edital de Registo da Actividade Apícola, podendo ser complementadas com outras informações (consulte Aviso ).
Sempre que pretendam deslocar o(s) apiário(s), os detentores devem comunicar previamente à Direcção de Serviços Veterinários da Região de destino da futura implantação do(s) mesmo(s), através do Mod. 488/DGV - Comunicação de Deslocação de Apiários.As deslocações do(s) apiário(s) para zonas controladas devem ser previamente autorizadas pela Direcção de Serviços Veterinários da Região de destino da futura implantação do(s) mesmo(s).
Lista de Entidades registadas na Direcção-Geral de Veterinária.

Mod. 555/DGV - Registo de Indústria e Comércio de Cera destinada à Actividade Apícola.
Programa de Ajudas ao Sector Apícola (ver em GPP http://www.gpp.pt/ma/apicultura)Programa Sanitário | Zonas Controladas
Doenças das Abelhas

Legislação do Sector Apícola

Indústria e Comércio de Cera destinada à Actividade Apícola

http://www.dgv.min-agricultura.pt/portal/page/portal/DGV/genericos?generico=16264&cboui=16264


Em S. João da Madeira pode fazer o seu registo, durante o mês de Junho,  junto da Médica Veterinária Municipal no gabinete da mesma, no Mercado Municipal às quintas feiras das 14H00 às 16H30.

terça-feira, 22 de maio de 2012

Campanha de Vacinação Anti Rábica e Identificação Eletrónica

  
AVISO

VACINAÇÃO ANTI  RÁBICA e
 IDENTIFICAÇÃO ELETRÓNICA
Em JUNHO de 2012

Avisam-se todos os interessados, que irá decorrer a campanha de vacinação anti rábica à taxa normal     (5€) e identificação electrónica (13€) na sala de vacinação localizada no Mercado Municipal (-1), nos dias e horas abaixo indicados :


DIA
DATA
HORÁRIO
INÍCIO
FIM
Quinta feira
31 Maio
14H00
16H30
Sexta feira
8 Junho
09H00
12H30
Quinta feira
14 Junho
14H00
16H30
Quinta feira
21 Junho
14H00
16H30
Sábado
23 Junho
09H00
12H30
Quinta feira
28 Junho
14H00
16H30
Sexta feira
29 Junho
14H00
16H30


Relembramos que é obrigatório que todos os cães nascidos após 1 de Julho de 2008 têm que estar vacinados e identificados.

Para consulta dos Editais destes serviços, é favor dirigir-se ao Gabinete da Médica Veterinária no interior do Mercado Municipal.

quinta-feira, 17 de maio de 2012

Visita dos alunos do 1º e 4º anos da Escola EB1 Conde Dias Garcia em S. João da Madeira ao Canil Intermunicipal

Os simpaticos alunos da EB1 Conde Dias Garcia em S. João da Madeira foram ontem visitar o Canil Intermunicipal,  integrados no Projeto Educativo Municipal.
Com os 25 meninos do 4º Ano vieram a Profª. Laura e a D.Odete.
Esteve uma tarde muito quente e tivemos muitas Adoções.
Foi bom divulgar mais uma vez e consciencializarestes alunos dos problemas do abandono e dos maus tratos bem como a urgência das Adoções!
                                            
        Com os  26 meninos do 1ºAno, vieram as Profª Isabel e Carla.

Na verdade, todos adoram brincar com os cachorros.....


Esperamos que mais uma vez estes meninos não se esqueçam do que ouviram e que divulguem os ensinamentos dados!
 



  

Obrigado a todos! Voltem sempre!

quinta-feira, 3 de maio de 2012

Continua perdido......

E Cão de Porte Grande • Pêlo Dourado, Branco e Preto
Desapareceu em: Rua da Mourisca, São João da Madeira
O Brian tem cauda comprida, a maior parte das vezes para baixo. Patas com base larga. Olhos cor de mel. Peito com bastante pelo branco. Olhar profundo. Tem microchip.
Informações actualizadas em: www.encontra-me.org/anuncio/19865
Telefone: 916957703 • 913342033

Visita de uma turma do 1º Ano da Escola EB1 de Fundo de Vila de S. João da Madeira ao Canil Intermunicipal

Mesmo com muita chuva foi com imensa alegria que recebemos ontem 21 alunos duma turma do 1º Ano da Escola EB1 de Fundo de Vila de S. João da Madeira. Estes irrequietos meninos e meninas vieram acompanhados da Profª. Isabel Pinho e da Funcionária Inês Melo.
Esta visita está inserida no Projecto Educativo da Câmara Municipal de S. João da Madeira.

Mais uma vez estas crianças foram sensibilizadas para o problema do Abandono, doa maus tratos e das Adoções.


Foram distribuidos panfletos dos temas abordados.


Temos esperança que tenham ficado mais sensibilizados para estes temas.





Queremos também agradecer a esta Escola os cobertores e tapetes que nos trouxeram para a caminha dos nossos amiguinhos.
Obrigado e apareçam mais vezes!

quinta-feira, 19 de abril de 2012

Visita dos meninos da Pré da EB1 de Fundo de Vila de S. João da Madeira ao Canil Intermunicipal

Ontem 49 lindos meninos e meninas da Pré da EB1 de Fundo de Vila de S. João da Madeira vieram visitar-nos na ãmbito do Projeto Educativo do Municipio- Agenda 21, de S. João da Madeira!

Vieram acompanhdas pelas simpaticas Professoras e Auxiliares : Maria da Luz, Virginia, Graça, Lilia, Dorinda e Débora.
Apesar da chuva e de serem ainda pequenotes ficaram a saber porque têm que existir Canis Municipais!

Esperemos que tenham gostado da visita e que tenham ficado sensibilizados para a problemática do Abandono!
Às professoras o nosso obrigado pela disponibilidade e atenção!

sexta-feira, 23 de março de 2012

4.º ANIVERSÁRIO do Canil Intermunicipal da Associação de Municípios das Terras de Santa Maria

Mais um ano de actividade do Canil Intermunicipal da Associação de Municípios das Terras de Santa Maria e mais uma festa de aniversário! No próximo dia 27 de Março o CIAMTSM comemora o seu 4º aniversário e como queremos privilegiar um dos objectivos fundamentais do canil que é a adoção, vamos proceder à célebre semana de adoções, que ocorrerá de 26 a 31 de Março, no período das 14h30 às 17h00 de 2f a 6f e das 10h00 às 12h30 no sábado...

Toda a população em geral está convidada a visitar o Canil e de preferência a levar um amiguinho para casa...Eles esperam por si...

terça-feira, 28 de fevereiro de 2012

Vacina contra a Raiva

Foi publicado no Diário da República, 2.ª série, o Despacho n.º 2780/2012, de 27 de fevereiro, que declara a declarada a obrigatoriedade da vacinação antirrábica dos cães existentes em todo o território nacional, para o ano de 2012 e definido o regime de campanha para a identificação eletrónica dos cães.
Covem referir no aumento de casos de raiva tanto em África, nomeadamente em Angola (160 óbitos em 2011) no Brasil e, em alguns paises da Europa : Holanda (Canídeo vindo de Espanha).


http://dre.pt/pdf2sdip/2012/02/041000000/0696106962.pdf

quarta-feira, 22 de fevereiro de 2012

A processionária na saúde do animal doméstico

A processionária ou lagarta-do-pinheiro é uma praga florestal que, para além de causar danos importantes em matas de coníferas, pode causar intoxicações severas em humanos e animais domésticos através do contacto com os seus pêlos urticantes.
O que é a processionária ou lagarta-do-pinheiro?
Os pinheiros e cedros servem de hospedeiros a uma lagarta da família Thaumetopoidea, género Thaumetopoea, sendo a mais vulgar a Thaumetopoea pityocampa, que causa por vezes grandes danos em vastas áreas florestais, sendo por muitos considerada o agente mais destrutivo dos pinhais a seguir aos incêndios.

Os seus efeitos nefastos não se restringem a estas espécies florestais mas a muitas espécies animais que com ela contactam. No seu habitat natural, as raposas, os ginetes e os texugos são muitas vezes afectados por este ser rastejante. Cavalos, ovelhas e porcos são também surpreendidos durante a pastagem, bem como diversas espécies de aves que, na procura de alimento, são afectadas por esta lagarta. Na fauna doméstica, o cão e o gato são objecto de consulta veterinária frequente pelos efeitos alérgicos que a processionária neles provoca.
Aspectos clínicos veterinários da intoxicação por contacto com a processionária
Na clínica veterinária, o diagnóstico de intoxicação por contacto pela processionária é muitas vezes dificultado pela escassa informação de história clínica sobre o animal em causa. Frequentemente o cão e o gato saem de casa para o seu passeio sem que os seus donos se apercebam dos caminhos por onde andam ou o que cheiram, abocanham ou comem. Quando regressam, despertam a atenção pelo seu focinho inchado (edemaciado) língua grossa (macroglossia) por vezes azulada (cianótica), babar intenso (hipersiália e sialorreia), comichão (prurido), vómito e dor intensa quando o dono tenta à força abrir-lhes a boca na ideia de encontrar um corpo estranho (pau, lasca de madeira, etc.). 
Segundo a Dra. Anabela Santos Moreirada Faculdade de Medicina Veterinária da Universidade Técnica de Lisboa  : "Mesmo com alguns "conselhos" algo "exóticos", vale a pena partilhar pois é um alerta para uma praga que se está a alastrar a velocidade galopante, com os perigos enunciados no artigo!
Sugiro no entanto que: animal que contacte deve ser visto COM URGÊNCIA por um Médico Veterinário! Humano que contacte deve ser conduzido IMEDIATAMENTE ao serviço hospitalar de urgência mais próximo! NUNCA destrua ninhos de verão, de inverno nem as as próprias lagartas sem falar com as autoridades competentes (camaras municipais). E... apesar disto, disfrutem o campo, quando tratada a tempo o prognóstico desta intoxicação é bom!"
Para ler todo o arigo, clique no link :